O novo tipo de USB – o USB Tipo-C

usbc1

 

 

Estamos perto de ter um novo conector USB que deve revolucionar o modo de conectar os dispositivos. Com uma velocidade altissima e muito robusto!

Os líderes do setor estão prestes a lançar os dispositivos equipados com uma nova forma de USB – USB Tipo C – caracterizando um pequeno conector, robusto que pode lidar com 20 Gbps e 100W.
Diversos aspectos diferentes da USB Tipo C, incluindo o próprio conector físico, um esquema de entrega de potência muito mais sofisticado, e suporte para novos modos de comunicação flexíveis, Com o conector de 24 pinos, que é ao mesmo tempo pequeno (3 mm de altura e 8 mm de largura) e robusto.

Algumas das principais características associadas com cabos e conectores Tipo-C USB são os seguintes:

O conector não tem polaridade – ele se conecta em qualquer forma – já não temos ter tentar determinar “De que lado vai para cima?”

O conector é pequeno o suficiente para que o mesmo possa ser usado em todos os lugares – em estações de trabalho, computadores tablet, MP3 players, smartphones, câmeras digitais, etc.

Ao contrário da grande maioria dos outros cabos USB, cabos de classe C têm o mesmo conector macho em ambas as extremidades – podendo conectar outros dispositivos a ele e “negociar” quem é responsável por fazer o que.

A especificação suporta larguras de banda de dados de até 20 Gbps e facilita o não-USB, modos alternativos, definidos pelo fornecedor (você vai precisar o tipo certo de cabo para apoiar estas larguras de banda superiores e modos avançados como discutido abaixo).

 

usbc2

A especificação suporta a entrega de potência de até 100W para um carregamento mais rápido (você vai precisar o tipo certo de cabo para apoiar os modos de entrega de potência mais avançados e níveis mais elevados de energia, como discutido abaixo).

No caso dos modos de fornecimento de energia e de transmissão de dados mais simples, podem ser utilizados cabos (não inteligentes) passivos. Quando se trata dos modos mais avançados, os cabos inteligentes serão necessários, onde tais cabos contem uma identificação eletrônica que pode informar os outros elementos no sistema como a capacidade de energia que de cabo e as larguras de banda de dados que ele pode manipular.

 

 

fonte: http://www.eetimes.com/author.asp?doc_id=1325475&page_number=3

 

Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s